Por dentro

#práticajornalística #primeirapautaRBS #RBS #jornalismo
Carlos Rollsing e Mateus Ferraz revelam suas vivências sobre a profissão de jornalista
"Os repórteres participaram de bate-papo com alunos do curso de Jornalismo da Unisinos. O evento foi promovido pelo projeto Primeira Pauta RBS "
Karolina Kraemer


Na noite de 25 de agosto, o curso de Jornalismo da Unisinos recebeu a visita dos jornalistas do Grupo RBS Carlos Rollsing e Mateus Ferraz para um papo descontraído sobre a prática jornalística. Carlos, 36 anos, compõe o Grupo de Investigação (GDI); e Mateus, 37 anos, é chefe de reportagem da rádio Gaúcha.


A conversa fez parte da 12ª edição do Primeira Pauta RBS, que teve início em 16 de agosto deste ano. O projeto visa a aproximação de estudantes de jornalismo com a experiência do “fazer jornalístico” através da promoção do contato entre alunos e profissionais da área. Parte dessa interação são palestras feitas por jornalistas do Grupo RBS nas graduações em jornalismo do Estado.


O Mescla te conta agora como foi o bate-papo. Confira: 


Os palestrantes são egressos de Jornalismo da Unisinos. Já na abertura da conversa, apontaram como foram suas transições para o mercado de trabalho e comentaram sobre algumas evoluções experimentadas por cursos da área. “Mais importante do que tu pensares em fazer estágio ‘em um veículo’ é fazer os mais diversos estágios possíveis, porque não é só os veículos que existem para a profissão. Outras atividades no jornalismo não podem ser vistas como funções secundárias”, sublinhou Mateus. 



A importância da formação de um profissional multimídia foi abordada pela dupla quando a discussão foi sobre a ampliação das atuações na área. Para Carlos e Mateus, o cenário atual permite que comunicadores façam mais experimentações, como em agências de checagem, podcasts e webdocumentários. “Eu acho que é positivo ter essas possibilidades abertas para o profissional poder escolher o que ele quer fazer. Assim, os profissionais se encaixam dentro daquilo que eles têm de perspectiva para o momento da sua carreira”, comentou Carlos.


Uma das perguntas mais recorrentes dos estudantes foi sobre como ser jornalista nos dias de hoje, uma profissão que, apesar de ser fortemente atacada e de ter profissionais sendo alvo de assédio moral, encontra forças para atuar pela defesa da democracia. “A nossa resposta a isso, como jornalistas, repórteres e profissionais, é de que é necessário produzir cada vez mais conteúdos precisos e embasados, feitos de uma forma coerente e ética”, reflete Mateus. O jornalista observou ainda que a imprensa, no presente, precisa aguentar todos os tipos de ataque, uma vez que sua missão é contar os fatos e comportamentos gerados pela sociedade.


Para os mais de 60 alunos que assistiram a palestra, Carlos e Mateus abordaram as mais diversas questões, desde técnicas de entrevista até dicas para lidar com o nervosismo e fazer coberturas políticas no cenário atual. Também entraram em pauta as coberturas jornalísticas que mais gostariam de ter feito e as que mais os impactaram. Carlos inclusive contou um pouco sobre como foi desenvolvida a reportagem “Inferno na Terra Prometida”, que acompanha um grupo de imigrantes na trajetória entre o Acre e São Paulo. “Foi uma coisa muito louca que eu nunca mais vou esquecer”, revela. O repórter conta que viu no Acre centenas de pessoas amontoadas em uma situação desumana, degradante, sem conseguir se comunicar e com uma alimentação precária. “Pessoas que vieram para cá, mas não sabiam o que era o Brasil”, analisa.


Quem se interessou pelo conteúdo da palestra e gostaria de ter uma experiência mais imersiva na realidade de uma redação pode participar do concurso Primeira Pauta RBS 2021. As inscrições devem ser feitas pelo site até o dia 19 de setembro. Os participantes – universitários de Jornalismo de qualquer semestre da graduação – passarão por uma série de etapas para, no dia 15 de outubro, serem anunciados os cinco vencedores. Esse grupo de selecionados passará, entre os dias 25 e 29 de outubro, pela Semana Primeira Pauta RBS. Ao final da semana, cada um entregará uma reportagem, que será publicada. Além disso, um dentre os escolhidos terá a oportunidade de obter uma vaga de estágio no Grupo RBS.

Mais recentes