Por dentro

#administração #arquitetura #desenvolvimento #design #gil #Graduação #integração #moda #publicidade e propaganda
Afetividade foi tema central de evento
“Atividade acadêmica reuniu alunos de quatro turmas para encerramento de semestre”
Bruna Bertoldi


Por Ângelo Gabriel


Os últimos dias do semestre teve clima de celebração para 150 alunos da atividade de Desenvolvimento Pessoal e Profissional: Colaboração (DPP), uma das que fazem parte da nova Graduação PRO. A finalização das aulas deu origem a um evento chamado Happening Afetivo, que ocorreu na terça-feira (2/7), no saguão da Biblioteca da Unisinos São Leopoldo, e foi totalmente criado pelos alunos. O tema foi inspirado em um hit deste semestre, mas com uma adaptação: “Juntos and Sharing Now”.  

A ideia de aproximar os alunos de quatro turmas veio do professor Raimundo Giorgi Filho, dos cursos de Moda, Design e Arquitetura. O tema central era “afetividade”. A iniciativa teve a parceria das professoras da Escola da Indústria Criativa Aline Bueno, Lisiane Cohen e Luciane Wolff, que ministra atividades na Psicologia e no GIL (Gestão para Inovação e Liderança). A ideia era também  estarem praticando o que estavam ensinando, já que a disciplina ocorreu pela primeira vez em 2019/1.

Ao longo do semestre, as turmas já tinham se reunido outras vezes, e foram divididas em grupos. Cada um contribuiu para a realização do Happening Afetivo trazendo para a atividade a sua visão de mundo e o seu modo de pensar. “Quando a gente trabalha com colaboração, não existe um controle tão acirrado, tu deixas a coisa fluir, porque é assim que funciona, senão não é colaboração”, afirmou a professora Aline.

Para ilustrar “afeto”, os professores pediram aos alunos que trouxessem dez fotos de coisas que lhes tocassem. Durante o evento, eles produziram um grande painel com as imagens. O evento incluiu ainda uma esquete teatral, declamação de poesia e espaço para pintura. O sentimento de coletividade fez parte do Happening.

Estudante de Administração com ênfase em Comércio Exterior, Marina Muller destacou o fato de ter tido a possibilidade de construir e organizar um evento desse tamanho, a partir do zero. A jovem de 20 anos fez parte do grupo da organização artística, e, nesta função, teve contato com alunos de diferentes cursos. A experiência da atividade acadêmica fez com que Marina pudesse perceber a transformação dos colegas, que passaram a participar, colaborar e se comunicar mais ao longo do semestre.

Transformação é a palavra que define a trajetória da estudante de Ciências Biológicas Alexia Pereira dos Santos, de 18 anos. Antes de começar o curso, ela se interessava por questões sociais, mas não sabia como poderia realizar mudanças. A partir da DPP, resolveu fazer um curso de Impacto e Empreendedorismo Social. Minutos antes de chegar no evento, Alexia recebeu um e-mail que a convidava para trabalhar no projeto social de uma empresa.

“Eu consegui chegar no caminho que eu queria por meio dessa disciplina. E o incrível é que consegui entender que eu não preciso estar só dentro do meu curso, só dentro da minha área. Eu consigo conectar a minha área com a parte social, consigo conectar sustentabilidade, empreendedorismo, com a sociedade. A DPP me fez entender isso”, relatou. “Eu consegui entrar num mundo completamente diferente do meu, essa coisa de explorar o novo, de mudar a tua visão de mundo, isso foi extremamente incrível. E com certeza é uma coisa que na graduação inteira vai estar presente por causa dessa disciplina”, completa. 

Confira algumas fotos do evento, feitas por Ângelo Gabriel.

Mais recentes