Tecnologia é aliada da inclusão na hora da leitura - Portal da Indústria Criativa


Tecnologia é aliada da inclusão na hora da leitura

Autora Pâmela Pschichholz disponibiliza livro em Braille e com audiodescrição

Postado em: 13/11/2018
Por: Lucas Alves

Livros acessíveis para pessoas com perda visual. Esse é um dos objetivos da autora gaúcha Pâmela Pschichholz. Ela encontrou na tecnologia uma aliada. Em sua primeira obra infantil, Pâmela conta a história de dois amigos: um cego, o outro não. Durante suas conversas, o protagonista relata como fazer amigos, mesmo sem enxergá-los. O trabalho está disponibilizado em Braille e em audiodescrição. 

“O menino que não via amigos”, lançado em agosto deste ano, faz parte da série Fazendo Inclusão, da editora ZMulti, e tem a intenção de sensibilizar as pessoas sobre o tema. A obra de 28 páginas conta com as ilustrações de Andressa Mueller. Pâmela determinou que seu trabalho deveria ser acessível a todos. “Há uma necessidade, hoje, quando se fala em inclusão. Existem muitos livros em Braille e também com audiodescrição, mas poucos disponibilizados dessa forma desde o momento de lançamento. As pessoas não se atentam a trazer o que é novo”, defende a escritora. 

Preocupada em como levar, de forma prática, a temática ao público, Pâmela Pschichholz se apropriou da tecnologia. “O menino que não via amigos” está disponível no Youtube em formato audiodescrição. A obra pode ser acessada por qualquer smartphone ou tablet via QR Code. “Pensei nisso, pois não são todos que conhecem o sistema Braille”, revela a escritora. “Muitas pessoas com deficiência visual utilizam a tecnologia, além de outros recursos digitais no cotidiano”, completa. O código para acessar o material é disponibilizado junto do livro.

A própria autora explica como essa tecnologia ajuda no cotidiano dos deficientes visuais, confira:

 

A autora também revela que o próximo livro da série terá vídeo, em Libras, contando a história. Pâmela Pschichholz e Andressa Mueller estiveram na Praça de Autógrafos, na última quarta-feira, da 64ª Feira do Livro de Porto Alegre.

Redes Sociais