Estudo reúne dados sobre comunicação estratégica - Portal da Indústria Criativa


Estudo reúne dados sobre comunicação estratégica

Pesquisa busca mapear evolução dos profissionais da área ao redor do mundo

Postado em: 24/05/2018
Por: Kellen Guaragni Dalbosco

O Global Communication Monitor, maior estudo longitudinal sobre a profissão de Relações Públicas e gestão em comunicação estratégica do mundo quer entender, na edição de 2018-2019, como os profissionais estão lidando com o fenômeno das notícias falsas. A pesquisa considera fake news como notícias em meios de comunicação ou mídias sociais que são intencionalmente falsas ou têm pouca factibilidade, com a intenção de enganar o público.

A pesquisa global reúne os monitores de comunicação de diversos continentes, atingindo 80 países. Nas duas edições anteriores foram mais de 4,5 mil entrevistados, o que proporcionou um acúmulo de dados de mais de 25 mil profissionais ao redor do mundo. No Brasil, o Monitor de Comunicação da América Latina é coordenado por Andréia Silveira Athaydes e tem como investigadora convidada Vanessa Hauser, ambas professoras pesquisadoras do Curso de Comunicação Ulbra.

O estudo busca construir um mapeamento da evolução da comunicação estratégica nos continentes, conhecendo as fragilidades e fortalezas dos profissionais que atuam na área. Buscando, assim, auxiliar na qualificação profissional e no fortalecimento do mercado de comunicação nos países. Os relatórios das edições passadas podem ser acessar no link.

Foto: reprodução

Em cada edição, a pesquisa é organizada em dois blocos. Um que busca compreender uma temática principal, considerada uma tendência no mercado de comunicação, como foi o caso das fake news deste ano, 3ª edição do estudo. O segundo são questões comuns a todos os anos da pesquisa, que permite observar a evolução dos países, ano a ano, sobre competências, habilidades e dificuldades dos profissionais.  

Portanto, as questões podem ser respondidas por todos os profissionais que estejam coordenando ou atuando em estruturas de comunicação. O questionário demora 15 minutos para ser preenchido e está disponível no link até o dia 30 de junho. No mesmo espaço, é possível acessar os relatórios das edições passadas, onde ficam todos os dados obtidos através dos monitores.

Redes Sociais