Cineclube Cinedrome está de volta - Portal da Indústria Criativa


Cineclube Cinedrome está de volta

Miniauditório - Unisinos Campus São Leopoldo

Postado em: 12/04/2018
Por: Eduarda Bitencourt

Após um hiato de dois anos, o Cinedrome, cineclube organizado pelos alunos do curso de Realização Audiovisual da Unisinos, volta à ativa. A reestreia ocorrerá no dia 12 de abril com “Eu te amo, eu te amo” (Je t´aime, je t´aime, 1968), filme de Alain Resnais. A sessão será realizada no miniauditório da Escola da Indústria Criativa (sala D02 216), no campus São Leopoldo, às 19h.

Nessa ficção científica, um homem recém-saído do hospital é convidado a participar de um experimento governamental que envolve viagens no tempo. No entanto, ocorrem alguns erros e o homem é forçado a reviver amargas memórias e um misterioso caso de amor. Em “Eu te amo, eu te amo”, memória, delírios e sonhos se misturam, criando um ar de mistério entre os pensamentos do protagonista.

A exibição faz parte do tema “Cinema e memória”, que renderá ainda outra sessão, no dia 27 de abril, com “Brilho eterno de uma mente sem lembranças” (Eternal sunshine of the spotless mind, 2004), de Michel Gondry. Neste longa, o personagem Joel, após uma recente desilusão amorosa, resolve apagar de sua cabeça todas a memórias restantes desse fracassado caso de amor. Porém, Joel muda de ideia e, enquanto suas memórias são apagadas, ele ainda se encontra preso em suas lembranças.

A relação entre os filmes foi confirmada pelo próprio Michel Gondry, que afirmou que a ficção-científica de Alain Resnais foi sua principal influência para “Brilho eterno de uma mente sem lembranças”. Os filmes, ainda, compartilham a relação entre a memória e sua importância na vida e nos sentimentos dos humanos, sendo ela boa ou ruim. Toda e qualquer memória, nos filmes, causa algum efeito no atual estado de espírito dos personagens. Esses e outros detalhes das obras serão aprofundados nos debates que ocorrerão depois das sessões, com a presença de um convidado e um mediador.

Cinedrome

O Cinedrome é o cineclube do Curso de Realização Audiovisual da Unisinos fundado em novembro de 2012 pelos alunos Tainara Fraga, Clarissa Virmond, Joana Bernardes e Patrick Arozi. O Cinedrome foi realizado entre 2013 e 2015, sempre com uma programação formada pela exibição de um filme seguida de debate com convidados, com sessões no campus Unisinos São Leopoldo, mas também em cinemas de Porto Alegre, como Sala P. F. Gastal, Sala Redenção, Itaú Cinemas, entre outros.

A retomada do projeto, em 2018, contará com duas exibições por mês ligadas a um tema específico. Na nova versão, o Cinedrome é organizado pelos alunos da turma 2017 do curso

Beatrice Fontana, Chayenne Barcellos, Frederico Franco, João Cardoso, Lucas Bastos, Luiza Zimmer e Rafael Campos.

SAIBA MAIS

O QUÊ: exibição e debate dos filmes “Eu te amo, eu te amo” e “Brilho eterno de uma mente sem lembranças, dentro da série “Cinema e memória” do cineclube Cinedrome.

QUANDO: 12/4 e 27/4, às 19h.

ONDE: Miniauditório da Escola da Indústria Criativa da Unisinos (Sala D02 216 – campus Unisinos São Leopoldo).

QUANTO: gratuito.

PARA QUEM: todos os interessados, alunos ou não-alunos da Unisinos.

Redes Sociais